12 de set de 2016

Escurecer

Uma sombra me contem
Enaltecendo o vazio em mim
Nada pode conter
Essa escuridão sem fim

Inevitável não sentir
Sombras enormes me cercar

Já não sabia mais o que sentia
Mas aquilo mostrava 
O que eu não via:
O vazio consumindo
O que restava de mim

A incerteza é forte
Misturei tudo sem querer
Amor, loucura, morte

È como entrar em meio ao fogo
Só pra derreter
Me entregar
Sem querer

Nenhum comentário:

Postar um comentário