16 de jul de 2016

Coleira dos homens

Acordei fora da Terra
Definhando ao nada
Tudo é explosão
Apenas inércia da ilusão

O ontem parece nunca ter existido
Na iminência do pensamento
Eu precisava apenas de um momento
Para sentir o vento

Preso, vou me libertar
Enquanto eles dormem
Vou te encontrar
Só pra ver o teu olhar

Tu exerce poder sobre minha alma
Mas agora
Minha mente está calma
Já posso ir embora